Super Nintendo

Sid Meier's Civilization

Jogo de estratégia baseado em turnos 4X. Além do Super Nintendo, o game também foi lançado para PlayStation, Saturn e alguns microcomputadores da época.

 

Sid Meier’s Civilization é um jogo de simulação no qual você pode fundar uma civilização e evolui-la até seu pleno desenvolvimento. No jogo você pode construir cidades, aumentar a população, desenvolver a ciência e tecnologia, fazendo progressos através da guerra e comércio. Vivencie os primórdios da história ao presente e daí para o futuro, a civilização e cultura humanas progredindo sistematicamente.

 

O jogo começa com você colonizando alguma região e criando uma cidade. Você aumenta a população enquanto desenvolve a agricultura e, com pesquisa tecnológica, constrói vários tipos de prédios e um exército. Apenas quando a população atinge certo nível, você pode explorar terras e enviar colonos para construir uma segunda cidade.

 

O básico do jogo é a repetição do processo, no qual as cidades são divididas como numa divisão celular. Suas cidades se multiplicam e sua população aumenta, as taxas sobre receita e produção crescem, e a sua esfera de influência aumenta. Junto com o progresso vem a necessidade pela automatização e melhorias no transporte. A boa liderança para manter um sistema econômico e cultural depende apenas de sua decisão.

 

Neste mundo, junto com o jogador, há várias tribos controladas pelo computador. Assim como você, o computador cria cidades e funda civilizações. Se você expandir seu poder, é questão de tempo até encontrar essas outras civilizações, quando isso acontece, seus adversários esperam entrar em relações diplomáticas. Algumas delas são arrogantes, outras curiosas. Então o que fazer? Talvez elas sejam mais avançadas que a sua, tanto na construção de prédios, tecnologicamente, ou ainda, militarmente superior.

 

Competir com as outras civilizações é um dos objetivos do jogo. Entre seus rivais estão grandes nomes da história como Napoleão e Mao Tsé-Tung. Assim como várias civilizações desapareceram da terra, sua civilização pode desaparecer num momento de descuido. Claro, isso pode acontecer ou não, depende apenas da maneira como você joga.

 

O último objetivo do jogo é enviar colonos para o espaço. Se algum país enviar colonos para o sistema Alpha Centauri, o jogo acaba nesse ponto. Logo, você deve fazer uma boa estratégia para fazer a colonização espacial antes de seus rivais. Isso consome pessoas e recursos, e muitas outras coisas, isso tudo depende do avanço científico e tecnológico.

 

Do alfabeto a viagem espacial, o jogo inclui muitos tipos de tecnologia para você utilizar. Como a evolução dos seres vivos, a tecnologia se desenvolve do velho para o novo sistematicamente – você não pode criar do nada. Você deve se preocupar como a tecnologia pode ser desenvolvida em dado ponto, mas o grande prazer do jogo é ponderar isso e encontrar qual a “melhor resposta” para você.

 

O jogo pode ser jogado com mouse.

 

As maiores diferenças da versão de Super Nintendo e a de DOS são os gráficos, a remoção de bugs, como as do colono rápido, da poluição e da cidade indefesa, e a substituição do povo zulu pelo japonês.



Ano Lançamento: 1995

Regiões de Lançamento:

RegiãoDataCod. FabricanteCod. BarrasIdioma
Estados UnidosNovembro / 1995SNS-EQ040198000949 Inglês
Japão10 / 07 / 1994SHVC-EQ-JPN4988126800093 Japonês

Fabricante: Koei, Microprose, Asmik Ace Entertainment Inc., MPS Labs

Franquias: Civilization

Lançamento: Oficial

Gêneros: Estratégia em turnos

Formatos: Cartucho